Acesse o menu principal
Blog do Google Brasil
Sustentabilidade

Google for Brasil: Renovando nosso compromisso com a sustentabilidade no Brasil



No último mês, as chuvas em Pernambuco desalojaram mais de 120 mil pessoas e o termo “chuva” foi buscado neste verão como não havia sido há 18 anos. Em abril, segundo o instituto Imazon, 1.197 km² de floresta na Amazônia foram devastados em apenas 30 dias, batendo novos recordes de desmatamento. Relembrando esses números e o impacto que o meio ambiente tem nas nossas vidas e reforçando o nosso compromisso em melhorar significativamente a vida das pessoas, uma série de anúncios focados no investimento em sustentabilidade foram anunciados hoje durante o evento anual Google for Brasil, realizado em São Paulo.

Com essas novas iniciativas, reafirmamos os nossos compromissos com a sustentabilidade no Brasil, incentivando instituições que fazem a diferença, acelerando startups que seguem agendas ESG e ajudando os brasileiros para que tenham fácil acesso a informações confiáveis sobre o meio ambiente.

Painel de informações na Busca

A partir de agora, quando as pessoas procuram por termos relacionados às mudanças climáticas, como "chuvas" e “aquecimento global”, por exemplo, elas encontram um painel de informações sobre causas e efeitos das mudanças climáticas de fontes confiáveis indicadas por especialistas e pela Organização das Nações Unidas (ONU), além de recomendações de medidas que as pessoas podem tomar individualmente para levar uma vida mais sustentável.

print painel de informações busca

Incentivo à sustentabilidade no Brasil

Aqui, no Google, compensamos nossas emissões de carbono e até 2030, temos o compromisso de usar 100% da nossa energia de fontes renováveis. Isso vai permitir que a gente opere apenas com fontes de energia livres de carbono.

Com iniciativas que não ficam apenas da porta para dentro, mas valorizam globalmente a sustentabilidade com um olhar especial para o Brasil, também anunciamos no Google for Brasil que expandimos as nossas parcerias com instituições que trabalham para manter o conhecimento científico disponível.

Uma delas é a colaboração com o CRIA (Centro de Referência em Informação Ambiental). Formado por uma rede de pesquisadores, o CRIA reúne 15 milhões de registros e quase 5 milhões de imagens sobre a fauna e flora brasileiras, compondo um extenso catálogo da nossa biodiversidade.

menino na mata

Acervo de imagens do CRIA conta com mais de 5 milhões de imagens da biodiversidade brasileira

Para ampliar o acesso ao acervo, o Google Cloud estabeleceu um projeto com o CRIA para que este conhecimento esteja disponível para qualquer pessoa na internet. Estamos oferecendo créditos de computação em nuvem para que esse banco de dados continue ativo e sirva como base para mais pesquisas.

Em outra importante parceria compartilhada hoje, estamos muito felizes em dizer que o Google.org, braço filantrópico do Google, fará uma doação de cerca de R$ 2,4 milhões para a The Nature Conservancy, instituição sem fins lucrativos dedicada à proteção das terras e águas.

O incentivo ajudará a entidade a continuar investindo em projetos fundamentais de proteção à biodiversidade da Amazônia.

Aceleração de soluções sustentáveis

Outra iniciativa que compartilhamos hoje foi o lançamento do Google for Startups Accelerator: Sustentabilidade, programa que vai selecionar dez startups que desenvolvem soluções com auxílio de tecnologia para problemas de sustentabilidade e mudanças climáticas.

Nos três meses do programa de aceleração, as startups terão a ajuda de mentores para trabalhar em um projeto técnico prioritário do seu negócio e poderão se conectar à comunidade do Google for Startups com acesso a créditos para utilizar produtos do Google focados em Cloud, Machine Learning, Android e Web.

Google for Startups

Google For Startups Accelerator: Sustentabilidade tem o objetivo de impulsionar startups que desenvolvem soluções sustentáveis

Para escalar suas soluções, as startups vão receber até 200 mil dólares em créditos de nuvem para utilizar a plataforma do Google Cloud. As inscrições já estão abertas e vão até 31 de julho.

Todas essas novidades são mais alguns passos importantes que damos em prol da diminuição da pegada de carbono e sustentabilidade, mas ainda há muito o que fazer.

Seja criando e incentivando iniciativas promissoras, ajudando projetos a ganharem escala ou fornecendo informação acessível e confiável, o Google estará sempre lado a lado com quem está trabalhando em prol da preservação do meio ambiente e do desenvolvimento sustentável.