Acesse o menu principal
Blog do Google Brasil
Google Play

Como combatemos apps e desenvolvedores mal-intencionados em 2020

Article's hero media

Oferecer uma experiência confiável e segura para bilhões de usuários e milhões de desenvolvedores Android sempre foi uma das principais prioridades da Google Play. Em 2020 apresentamos novas políticas, melhoramos ainda mais nossos sistemas e avançamos na otimização dos processos para melhor proteger nossos usuários, dar suporte a bons desenvolvedores e reforçar proteções contra aplicativos e desenvolvedores mal-intencionados. Além disso, no mesmo período, a Google Play Protect escaneou mais de 100 bilhões de aplicativos instalados em bilhões de dispositivos diariamente em busca de malware.As pessoas vão à Google Play em busca de aplicativos úteis e confiáveis para diversas finalidades, seja sobre informações a respeito da vacina de COVID-19 ou novas formas de entretenimento, delivery, comunicação e mais. 


Por isso adotamos uma série de políticas e novas formas de dar suporte a desenvolvedores com o objetivo de aprimorar a qualidade das informações disponíveis na plataforma e reduzir o risco de prejudicar usuários com informações equivocadas ou enganosas.Nosso trabalho para identificar e mitigar aplicativos e desenvolvedores mal-intencionados também evoluiu para combater novos comportamentos prejudiciais e formas de abuso. A capacidade de detecção de nossos modelos de aprendizado de máquina e os processos aprimorados de avaliação de aplicativos resultaram na identificação de mais de 962 mil apps que descumpriam as regras. Graças a esse trabalho, esses aplicativos nem chegaram a ser publicados no Google Play. Além disso, 119 mil contas de desenvolvedores mal-intencionados ou que praticam spam foram excluídas, e retiramos rapidamente mais de 709 mil aplicativos por violarem as políticas da plataforma. Além disso, aumentamos significativamente nosso foco no cumprimento das nossas regras no SDK (sigla em inglês para Kits de Desenvolvimento de Software), pois observamos que essas violações promoviam um impacto grande no ecossistema de apps, segurança e privacidade de usuários.


No ano passado, continuamos a reduzir o acesso de desenvolvedores a permissões sensíveis. Em fevereiro, anunciamos uma nova política de localização em segundo plano para garantir que os aplicativos que solicitam essa permissão precisem dos dados para fornecer um benefício claro ao usuário. Como resultado da nova política, os desenvolvedores agora precisam demonstrar esse benefício e informar os usuários sobre ele de modo claro, caso contrário os apps podem ser removidos da Google Play. Começamos a aplicar a política em aplicativos que não atendem às novas diretrizes da política e forneceremos uma atualização sobre o uso dessa permissão em uma postagem futura no blog.


Também continuamos a investir na proteção das crianças e na ajuda aos pais a encontrar conteúdo relevante. Em 2020, lançamos uma nova guia infantil cheia de aplicativos “aprovados por professores”. Para avaliar os aplicativos, fizemos parcerias com acadêmicos especialistas e professores de todo o país, incluindo nossos principais orientadores, Joe Blatt (Harvard Graduate School of Education) e a Dra. Sandra Calvert (Georgetown University).


Vamos continuar investindo na proteção dos usuários contra aplicativos com conteúdo prejudicial, comportamentos mal-intencionados ou que representem riscos à privacidade. Ao mesmo tempo, vamos trabalhar para oferecer experiências relevantes aos desenvolvedores do Google Play. Seguiremos aprimorando a velocidade e a qualidade da comunicação, bem como nossa capacidade de usar o feedback que recebemos para favorecer e impulsionar o crescimento dos desenvolvedores confiáveis. Os desenvolvedores Android podem esperar ver mais nesta frente no ano que vem.


Nossas equipes globais de gerentes de produto, engenheiros, especialistas em políticas e líderes de operações estão dedicadas ao trabalho de aumentar ainda mais a segurança da plataforma e construir uma sólida relação de confiança com os usuários. Esperamos assim continuar a construir uma experiência cada vez melhor para você na Google Play.
Postado por Krish Vitaldevara, Diretor de Segurança de Google Play e Android

  • Políticas sobre COVID-19: Para garantir a segurança das pessoas e a integridade e privacidade das informações, apresentamos orientações específicas para aplicativos relativos à COVID-19. Essas políticas exigem que aplicativos relacionados a usos sensíveis, como apps com informações sobre testes, devem ser desenvolvidos por órgãos oficiais do governo ou por organizações do setor de saúde e devem atender aos mais altos padrões de privacidade sobre dados de usuários.  
  • Políticas sobre notícias: Com o objetivo de assegurar a transparência sobre a publicação de notícias, adotamos exigências mínimas que devem ser cumpridas pelos aplicativos para que sejam classificados na categoria “Notícias” do Google Play. São regras que ajudam a promover maior transparência e responsabilidade entre os desenvolvedores ao fornecer informações relevantes sobre o app aos usuários.
  • Apoio a eleições: Formamos equipes e processos na Google Play dedicados a eleições. O objetivo é oferecer apoio adicional e facilitar a adaptação a um cenário em constante mudança. Isso inclui mais apoio a órgãos do governo, pessoas treinadas especialmente para avaliar os aplicativos e um grupo de segurança para enfrentar situações de ameaça e abuso ao sistema eleitoral.