Acesse o menu principal
Blog do Google Brasil
Tradutor

I/O 2022: Google Tradutor aprende 24 novos idiomas

Article's hero media
Imagem da barra do Google Tradutor traduzindo a frase em inglês “Our mission: to enable everyone, everywhere to understand the world and express themselves across languages” para diversos idiomas (em português: “Nossa missão: permitir que todas as pessoas, em todos os lugares, compreendam o mundo e se expressem em diferentes línguas”)

A missão do Google Tradutor, traduzida para as novas línguas que acabam de ser acrescentadas à ferramenta

Há anos o Google Tradutor ajuda a romper as barreiras do idioma e a conectar pessoas do mundo todo. Queremos levar essa possibilidade para cada vez mais gente, sobretudo populações que falam línguas pouco ou nada representadas no mundo da tecnologia. Por isso, estamos anunciando hoje a chegada de 24 novos idiomas ao Tradutor, que agora passa a contemplar um total de 133 línguas faladas no planeta.

Existem mais de 300 milhões de falantes dos idiomas acrescentados nesta atualização. As novas línguas incluem Mizo, falada por cerca de 800 mil pessoas no nordeste da Índia, e Lingala, falada por mais de 45 milhões de habitantes da África Central. A novidade no Tradutor também passa a oferecer línguas indígenas das Américas – como Quechua, Guarani e Aymara – e também um dialeto do inglês (o Krio, de Serra Leoa).

Veja a seguir a lista completa das novas línguas que passam a estar disponíveis do Google Tradutor:

  • Assamês, falada por cerca de 25 milhões de pessoas no nordeste da Índia
  • Aymara, falada por cerca de dois milhões de pessoas na Bolívia, no Chile e no Peru
  • Bambara, falada por cerca de 14 milhões de pessoas em Mali
  • Bhojpuri, falada por cerca de 50 milhões de pessoas no norte da Índia, no Nepal e em Fiji
  • Dhivehi, falada por cerca de 300 mil pessoas nas Maldivas
  • Dogri, falada por cerca de três milhões de pessoas no norte da Índia
  • Ewe, falada por cerca de sete milhões de pessoas em Gana e no Togo
  • Guarani, falada por cerca de sete milhões de pessoas no Paraguai, na Bolívia, na Argentina e no Brasil
  • Ilocano, falada por cerca de dez milhões de pessoas no norte das Filipinas
  • Konkani, falada por cerca de dois milhões de pessoas na Índia Central
  • Krio, falada por cerca de quatro milhões de pessoas em Serra Leoa
  • Curdo (Sorani), falada por cerca de oito milhões de pessoas, sobretudo no Iraque
  • Lingala, falada por cerca de 45 milhões de pessoas na República Democrática do Congo, na República do Congo, na República Centro-Africana, em Angola e na República do Sudão do Sul
  • Luganda, falada por cerca de vinte milhões de pessoas em Uganda e Ruanda
  • Maithili, falada por cerca de 34 milhões de pessoas no norte da Índia
  • Meiteilon (Manipuri), falada por cerca de dois milhões de pessoas no nordeste da Índia
  • Mizo, falada por cerca de 830 mil pessoas no nordeste da Índia
  • Oromo, falada por cerca de 37 milhões de pessoas na Etiópia e no Quênia
  • Quechua, falada por cerca de dez milhões de pessoas no Peru, na Bolívia no Equador e em países vizinhos
  • Sânscrito, falada por cerca de vinte mil pessoas na Índia
  • Sepedi, falada por cerca de 14 milhões de pessoas na África do Sul
  • Tigrinya, falada por cerca de oito milhões de pessoas na Eritreia e na Etiópia
  • Tsonga, falada por cerca de sete milhões de pessoas em Eswatini, Moçambique, África do Sul e no Zimbábue
  • Twi, falada por cerca de onze milhões de pessoas em Gana

Esta notícia representa ainda um grande avanço técnico para o Google Tradutor. As línguas listadas acima são as primeiras que acrescentamos à ferramenta usando a tradução automática Zero-Shot, na qual um modelo de aprendizado de máquina vê apenas textos monolíngues – ou seja, aprende a traduzir para outro idioma sem jamais ter visto um exemplo. Embora essa tecnologia seja impressionante, ela não é perfeita. Continuaremos melhorando nossos modelos para oferecer a mesma experiência que as pessoas já conhecem em traduções de idiomas como espanhol ou alemão, por exemplo. Para quem quiser saber mais detalhes técnicos, sugerimos ler o post no blog Google AI e também o texto sobre a pesquisa.

Agradecemos a todos os falantes nativos, professores, professoras e linguistas que trabalharam conosco nesta atualização. A paixão e o entusiasmo dessas pessoas nos inspiram. Se você tiver interesse em nos ajudar com seu idioma nas próximas atualizações, pode oferecer avaliações ou traduções em Contribuir com o Google Tradutor.